Diversidade Racial na Igreja Mórmon

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias destacou-se no quesito de diversidade racial em estudo recente. O centro de pesquisa ‘Pew Research Center’ publicou interessante estudo sobre diversidade racial em vários grupos religiosos nos Estados Unidos da América.

Entre 2011 e 2014, a Igreja SUD conduziu uma campanha publicitária multi-milionária para passar uma imagem ao público de uma religião heterogênea e racialmente diversificada.

A Igreja SUD conduziu uma campanha publicitária multi-milionária para passar uma imagem ao público de uma religião heterogênea e racialmente diversificada.

Entre vários dados estatísticos ilustrativos, a Igreja Mórmon se destacou dos demais grupos religiosos em alguns pontos.

Continuar lendo

Igreja Mórmon Ameaça Rompimento com Escoteiros

Em nota oficial, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias ameaça rompimento oficial com a organização de Escoteiros da América após mais de um século de cooperação.

Thomas Monson demonstra a saudação do Escoteiro. 16o Presidente da Igreja SUD, Monson sempre enfatizou a importância do escotismo para os jovens (rapazes) Mórmons, como todos os outros profetas desde 1910.

Thomas Monson demonstra a saudação do Escoteiro. 16o Presidente da Igreja SUD, Monson sempre enfatizou a importância do escotismo para os jovens (rapazes) Mórmons, como todos os outros profetas desde 1910.

Por décadas, líderes Mórmons gozaram de enorme prestígio e influência junto à organização oficial de Escoteiros nos EUA. E, por sua parte, os Escoteiros constituíram uma parte fundamental da formação de gerações de rapazes SUD nos EUA.

Essa relação simbiótica sofreu um tremendo golpe quando a direção executiva da Boy Scouts of America, como é oficialmente conhecida a organização de escotismo, decidiu essa semana a contrariar os desejos expressos da liderança SUD  Continuar lendo

Orson Pratt e o uso missionário da Primeira Visão

Orson Pratt

Orson Pratt em foto de 1852

Em 1840, Orson Pratt publicou o primeiro relato impresso da Primeira Visão, em seu panfleto intitulado Um Interessante Relato de Diversas Visões Extraordinárias e da Recente Descoberta de Registros Americanos. A publicação de 31 páginas também constitui o primeiro uso documentado da Primeira Visão de Joseph Smith para fins de proselitismo. A ideia original de Pratt de combinar os relatos sobre o Livro de Mórmon e a primeira Visão ganharia espaço no mormonismo, mas apenas viria a tornar-se norma por volta de 1925.

Embora as datas de três dos quatro relatos pelo próprio Joseph Smith antecedam o panfleto de Pratt, nenhum havia sido publicado até então. Continuar lendo

A companhia pioneira de Brigham Young

Erastus Snow e Orson Pratt

Erastus Snow e Orson Pratt

Em 21 de julho de 1847, os dois batedores da companhia pioneira de Brigham Young celebraram gritando “hosana!”. Após cerca de três meses de viagem, eles haviam avistado o vale ao norte do Grande Lago Salgado. O mais velho, de 35 anos, estava a cavalo; o de 28, a pé. Orson Pratt e Erastus Snow estavam abrindo assim o caminho para mais de 30 mil mórmons fugindo dos Estados Unidos em busco de um novo lar.

No dia seguinte, a maior parte dos carroções da companhia desceu ao vale. Mas Brigham Young, doente, só chegaria no dia 24, data celebrada até hoje em Utah como o Dia dos Pioneiros. Continuar lendo

Instituto Neal A. Maxwell divulga Conferência da ABEM

mi-logoO Neal A. Maxwell Institute for Religious Scholaship, da Universidade Brigham Young (BYU), gentilmente publicou em seu site os resumos em inglês das apresentações feitas na Conferência Brasileira de Estudos Mórmons. A Conferência acontece anualmente desde 2010, e é organizada pela Associação Brasileira de Estudos Mórmons (ABEM).

As duas últimas edições da Conferência, em 2014 e 2015, aconteceram ao vivo pela internet. Trechos de algumas apresentações podem ser vistos em nossa página de Podcasts e Vídeos.

A próxima edição da Conferência Brasileira de Estudos Mórmons acontecerá em janeiro de 2016.

 

A Mãe de Jesus

Pintura de Galen Dara (2012).

Pintura de Galen Dara (2012).

João também menciona a mãe de Jesus na crucificação. Ele descreve as mulheres perto da cruz, mas há um problema de pontuação, e não há certeza sobre quantas mulheres havia. A primeira mencionada é a mãe de Jesus, mas ela não é nomeada. Isso porque talvez seu nome fosse bem conhecido, ou talvez haja algo a mais. João pode estar implicando a presença da Senhora. Os outros evangelhos não mencionam a Virgem Maria perto da cruz; como João, mencionam Maria Madalena, a outra Maria, e uma terceira mulher. João tem a misteriosa quarta mulher sem nome. Lemos que Jesus confia sua Mãe a João, e confia João à sua Mãe, o que pode simplesmente significar que Jesus esteja fazendo provisões para sua Mãe. Mas há outra possibilidade: que João se tornou o filho da Mãe celestial de Jesus, outro filho da Sabedoria, porque foi a João que Jesus revelou suas visões e ensinamento secreto.

Margaret Barker. Jesus The Nazorean: On the publication of King of the Jews. Temple Theology in John’s Gospel. Abril 2014. p. 05.

A autora Margaret Barker é metodista e conhecida pelos seus estudos bíblicos em “teologia do templo”, a qual procura traçar as origens da teologia cristã ao Primeiro Templo.

Ordenanças do templo – parte 5

No Topo das Montanhas

Pico Ensign. (imagem: David Whitchurch/BYU)

Pico Ensign. (Imagem: David Whitchurch/BYU)

Após o assassinato dos irmãos Smith, os santos em Nauvoo continuaram a construção do seu templo. O edifício sagrado foi dedicado por um pequeno grupo em 30 de abril de 1846 e  aberto para a Igreja em outra cerimônia dedicatória no dia seguinte. O Quórum dos Ungidos agora tinha a oportunidade de administrar em massa as mesmas cerimônias ao conjunto da Igreja de Jesus Cristo.

Enquanto o templo era palco de investiduras, adoções e selamentos, algumas carroças já haviam partido da cidade mórmon rumo a Iowa, em fevereiro daquele ano. O maior grupo mórmon após a crise de sucessão estava decidido a honrar as orientações de seu profeta falecido e deixar Illinois rumo às Montanhas Rochosas. Deixando para trás o prédio imponente e que custara tanto sacrifício, eles tinham a convicção de possuir as chaves necessárias para realizar as ordenanças e construir outros templos.

Uma das primeiras ações de Brigham Young e seu grupo pioneiro no vale do Lago Salgado foi selecionar o local para um futuro templo, em 28 de julho de 1847. Porém, três décadas se passariam antes que um templo fosse erigido e, mesmo assim, em outro local: na cidade nomeada em honra de George A. Smith, St. George. Continuar lendo

A Gaivota

gaivota 01Em janeiro de 1948, surgia A Gaivota, revista oficial da Missão Brasileira da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Harold M. Rex, que teria pela frente apenas mais um ano como presidente da missão mórmon, escrevia sobre os propósitos do novo “magazine”:

As Autoridades Gerais da Igreja frequentemente apresentam nos Estados Unidos mensagens em forma de sermões ou artigos escritos, dando assim oportunidades a todos os membros da Igreja de os ouvirem ou lerem. Assim pretendemos trazer-lhes na GAIVOTA estas mensagens inspiradoras. (…) É de máxima importância a todos os membros e investigadores a leitura e estudo mensal deste pequeno magazine.

gaivota expedienteApesar da ênfase dada por Rex nas mensagens das autoridades gerais, traduzidas das publicações norte-americanas Improvement Era, The Children’s Friend, Relief Society’s Magazine e Deseret News, A Gaivota oferecia espaço para o conteúdo nacional, trazia um expediente com nomes brasileiros e dava créditos aos tradutores. Continuar lendo

Russel M. Nelson designado Presidente dos Doze

Russell_M._NelsonRussel Marion Nelson é o novo presidente do Quórum dos Doze, da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. O apóstolo de 90 anos foi designado ao cargo ontem (15/06), pelo Presidente da Igreja, Thomas S. Monson, em Salt Lake City.

Sendo o apóstolo com a data de ordenação mais antiga, Nelson sucede Boyd K. Packer, falecido há cerca de duas semanas. Coincidentemente, Nelson nasceu em 09 de setembro de 1924, apenas um dia antes de seu antecessor.

Em abril de 1984, após as mortes dos apóstolos LeGrand Richards e Mark E. Peterson, Nelson foi chamado, pelo então Presidente da Igreja Spencer W. Kimball, a integrar o Quórum dos Doze. Sua ordenação como apóstolo antecedeu em apenas algumas semanas a de Dallin H. Oaks. Continuar lendo

Igreja terá curso online para missionários

Sisters_iPadDesde o recebimento do chamado até depois do retorno ao lar, jovens missionários mórmons utilizarão o curso online My Plan (Meu Plano, ainda sem tradução oficial). O anúncio foi feito pela Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias na edição de julho da revista Ensign e no seu site oficial.

O curso consistirá de oito lições, sendo as seis últimas concentradas nas semanas que antecedem o fim da missão de tempo integral. Não há detalhes disponíveis sobre o conteúdo do novo curso. Missionários de ambos os sexos realizarão cada lição durante uma hora, no período destinado ao estudo pessoal, em capelas ou outros locais que utilizem para acessar a internet.

Antes do retorno ao lar, os planos de cada missionário para sua vida após a missão serão compartilhados com seus presidentes de missão, os quais terão o papel de aconselhar os jovens na sua última entrevista missionária.

O lançamento do My Plan será no próximo mês de agosto. Continuar lendo

Brigham Young: do pó de outra terra

BYAinda que tenhamos na história que nosso pai Adão foi feito do pó desta terra, e que ele nada sabia sobre seu Deus antes de ser feito aqui, não é assim; e quando aprendermos a verdade, veremos e compreenderemos que ele ajudou a fazer este mundo, e foi o administrador principal naquela operação. Ele foi a pessoa que trouxe os animais e as sementes de outros planetas para este mundo, e trouxe uma esposa consigo e permaneceu aqui. Vocês podem ler e acreditar como quiserem no que se encontra escrito na Bíblia. Adão foi feito do pó de uma terra, mas não do pó desta terra. Ele foi feito como vocês e eu somos feitos, e nenhuma pessoa foi jamais feita sob qualquer outro princípio.

Brigham Young (Journal of Discourses 3:316-318)

Amamentando na Sacramental

A ilustração abaixo foi publicada na revista Harper’s Weekly em 1871, retratando uma reunião no Tabernáculo de Salt Lake. Em um ambiente um tanto informal, o sacramento é administrado enquanto Brigham Young discursa, uma prática comum à época. A água é servida à congregação por homens adultos, através de jarros e cálices coletivos.

harper's-weekly-tabernacle---cleared

amamentarDo lado lado esquerdo da gravura, vemos duas mulheres amamentando seus bebês, com naturalidade, sem cobrir os seios. Ainda não haviam sido desenvolvidas as noções de “recato” em torno da amamentação que prevalecem hoje nas reuniões sacramentais mórmons, provavelmente incorporadas da cultura norte-americana. Continuar lendo